Arquivo da Categoria: Cycling Tours

Viagem ao Vale do Douro de Barco, Bicicleta e Comboio

IMG_7233
Começo com as palavras do nosso tour líder, “É talvez o percurso que atravessa uma região única no mundo. O que iremos ver não existe em mais nenhum lugar… o Douro sempre a serpentear no fundo vale completa com majestade todo o cenário”, a esta frase, modesta e humildemente, juntaria as palavras do grande mestre Miguel Torga, quando nos diz: O Doiro sublimado. O prodígio de uma paisagem que deixa de o ser à forma de se desmedir. Não é um panorama que os olhos contemplam: é um excesso de natureza”…IMG_7172
Que o digam Letícia e o Ricardo naquela épica viagem de 5 dias pelo vale do Douro, por barco, bicicleta e comboio e que recordações levarão para o seu país natal daquela região tão especial.
Numa pedalada pelo coração das vinhas mais célebres do Porto,onde as vinhas são plantadas em socalcos até uma altitude de 700 metros, resultado perfeito da comunhão entre Homem e Natureza ao longo de séculos. Por desfiladeiros e penedias, de precipício em precipício, em vertiginosas constantes de uma natureza impar e excessiva.IMG_7108
Uma viagem inesquecível rio Douro acima, desde a sua foz na cidade do Porto, com os seus barcos Rabelos, até Vila Nova de Foz Côa no Alto Douro Vinhateiro e no coração da Arte Rupestre do Paleolítico. Utilizamos os 3 meios de transporte, Barco, Bicicleta e o Comboio da Linha do Douro, que mais nos podem levar a beber a essência do rio e desta região com 3 Patrimónios Mundiais da Unesco.
Até à próxima Letícia e Ricardo, Portugal é uma aventura!IMG_7382
Rivière Douro en Bateau, en bicyclette et en train – Velo avec un guide
En commençant par les mots de notre chef de la visite, “il est peut-être la route qui traverse une seule région dans le monde. Ce que nous voyons ne pas exister nulle part ailleurs … le Douro chaque fois serpente vallée profonde avec toute la majesté scénario, “cette phrase, modestement et humblement rejoindre les paroles du grand maître Miguel Torga, quand il nous dit : «Le Doiro sublimée. Le Douro Le prodige d’un paysage qui ne l’ai plus par la forme qu’ils se mesure. Ce n’est pas un panorama que les yeux contemple : c’est un excès de la nature …»
Il suffit de demander Leticia et Ricardo qui voyage épique de cinq jours par la vallée du Douro en bateau, en train et à vélo et des souvenirs qui mènera à son pays natal dans la région si spéciale.
Une promenade à travers le cœur des plus célèbres vignobles de Porto, où les vignes sont plantées en terrasses jusqu’à une altitude de 700 mètres, résultat parfait de la communion entre l’homme et la nature depuis des siècles. Par les gorges et les endroits rocheux, falaise sur la falaise dans une nature bizarre et excessive vertigineuse constante.
Un voyage inoubliable jusqu’à la rivière Douro, de son embouchure à Porto, avec ses bateaux Rabelo, à Vila Nova de Foz Côa dans le Haut-Douro Région viticole et dans le cœur de l’art rupestre paléolithique du. Nous utilisons trois modes de transport, bateau, vélo et formons la ligne du Douro, quoi d’autre peut nous conduire à boire l’essence de la rivière et cette région avec 3 patrimoine mondial de l’UNESCO.
Jusqu’à prochaine tour Leticia et Ricardo, le Portugal est une aventure!
River Douro by Boat, Bicycle and Train – Guided bicycle tour
Beginning with the words of our tour leader, “it is perhaps the route running through a single region in the world. What we see does not exist anywhere else … the Douro whenever snaking deep valley complete with majesty whole scenario. “To this sentence, modestly and humbly join the words of the great master Miguel Torga, when he says “The sublimated Doiro. The prodigy of a landscape that ceases to be so in its immensity. It is not a scene that the eyes behold: it is an excess of nature”.

Just ask Leticia and Ricardo that epic journey of five days by the Douro valley by boat, train and bicycle and memories that will lead to his native country in the region so special.
A ride through the heart of the most famous vineyards of Porto, where the vines are planted in terraces up to an altitude of 700 meters, perfect result of communion between man and nature for centuries. By gorges and rocky places, cliff on cliff in constant vertiginous an odd and excessive nature.
An unforgettable journey up the Douro river, from its mouth in Oporto, with its Rabelo boats, to Vila Nova de Foz Coa in the Upper Douro Wine Region and in the heart of Rock Art of Paleolithic. We use three modes of transport, boat, bicycle and train the Douro Line, what else can lead us to drink the essence of the river and this region with 3 World Heritage of UNESCO.
Until the ext tour Leticia and Ricardo, Portugal is an adventure!

Spectacular Biking Tour of Geres National Park with guide Nuno Mourinha

Sem Título4In Porto, we were picked up by Nuno who provided us with a full day private tour for two people of Geres National park, north of Porto.  We used mountain bikes by choice and rode over 30 KM, providing stunning views of the park.  This was May so there was a stunning assortment of gorgeous pink and purple and yellow flowers. We encountered cows and goats along the way and stopped to take pictures whenever we wanted.  Nuno let us pick the pace, the sites we wanted to see, and we had plenty of time for photo ops.Sem Título3 An adventurous choice we wanted to do had us hiking our bikes over an amazing but overgrown, waterlogged Roman Road.  What a great little diversion!  Fortunately for me, Nuno did a lot of hiking my bike- what a great guy!  When we were too tired to bike more,  he drove us to see a stunning waterfall and a short tour of what we didn’t get to see on the bike.  Sem Título5After the amazing tour, we had a delicious meal of Portuguese ‘tapas’ from Hotel Baltazar restaurant.  Food included a cod pate, deep fried cod and meat, chourico, a spectacular tomato rice dish, and wine!  We recommend this trip highly.  Nuno put together the tour specifically for us based on what we hoped to see and on the time we had to see it and was an excellent guide.  Make the effort to include this in your trip!Sem Título 2jpg

 Lori P

Douro Valley and Estrela Mountain

No território que também é nosso, lugares de eleição para a viagem.
É definitivamente aqui que podemos partilhar a felicidade da vida, que podemos fazer perdurar a memória dos afectos.
Mais do que as palavras as imagens falam por si. Delicie-se!!

The territory which is also ours, places of choice for the trip.
It’s definitely where we can share the happiness of life, that we can to perpetuate the memory of affections.
More than words the images speak for themselves. Enjoy it!!

Grande pioneiro de viagens em bicicleta -Thomas Stevens ( n.1855)

O livro dos viajantes Eric Newby

Viajante americano (de bicicleta)

Em 22 de Abril de 1884 partiu de Francisco, USA, num velocípede com uma roda de 1,25 cm à frente e uma roda muito pequena atrás.

Depois de ter atravessado a Serra Nevada, as montanhas Rochosas e as Grandes Planícies, dirigiu-se de barco para a Alemanha e a seguir pedalou pela Áustria, Hungria, os Balcãs, Pérsia, Afeganistão, Índia, Singapura, China e Japão, chegando a Iocoama no dia 17 de Dezembro de 1886.

Tinha percorrido 22000 km.

Quando regressou, o Clube de Ciclismo do Massachusetts ofereceu um jantar em sua honra.

Deixamos um pequeno trecho do relato da viagem na Turquia:

“Às onze horas decido partir, e eu e a bicicleta somos o centro das atenções de uma multidão muito pouco digna enquanto percorro as ruas enlameadas em direcção aos subúrbios. Ao chegar uma rua onde é possível montar e pedalar uma curta distância, faço-o na esperança de satisfazer a curiosidade da multidão e de me ser permitido sair da cidade em relativa paz …”

thomas stevens
thomas stevens
his epci ride - thomas stevens
his epic ride – thomas stevens

http://www.travelja.net/pt/portugal-cycling-tours-5.html

A Natureza no seu estado mais puro

Durante a preparação deste percurso pretendi mostrar a beleza, e a força deste maravilhoso local.
O Gerês é o parque natural português que conserva a natureza mais intacta. Iremos observar a fauna e a flora desta região bem de perto. A bicicleta proporciona um contacto com a natureza que não é possível de outra maneira.
Iremos “sentir” os locais por onde passamos e fazer parte deles. Estaremos atentos aos cheiros, aos sons e veremos bem de perto as pessoas e os animais que habitam este parque.
Nesta aventura a natureza reinará. A zona que atravessamos tem pouca civilização, pequenas aldeias e vilas com poucos habitantes. A principal ocupação destas gentes é a agricultura e a pastorícia. A oferta hoteleira é pouca mas as gentes são hospitaleiras e farão os possíveis para agradar.
Vamos fazer, também nós, parte deste cenário interagindo sem estragar, cumprimentando os seus habitantes, fotografando os animais e as paisagens, atravessando os ribeiros.
A zona é muito montanhosa. As subidas e as descidas serão uma constante. Não será fácil mas o nosso esforço será largamente recompensado pela beleza dos locais.
Teremos tempo durante o percurso de parar para observar, para dar um mergulho num pequeno lago ou numa queda de água, para comer um lanche num bonito local.
Pedalamos pelas sensações e haverá momentos em que estas serão únicas e difíceis de descrever. Estaremos longe do ruído, da sociedade e iremo-nos sentir serenos e primitivos.

Pode ver mais sobre esta experiência em: http://www.travelja.net/pt/viagem-portugal-serra-do-geres-beleza-natural–com-guia-34.html

A Natureza e o trabalho do homem

É talvez o percurso que atravessa uma região única no mundo. O que iremos ver não existe em mais nenhum lugar.
Surpreenderá a todos o trabalho do homem no cultivo e preparação dos locais onde um dos mais famosos vinhos é produzido.
A natureza foi modificada pelo homem de uma forma criando um paisagem espetacular. Os enormes montes estão todos cultivados em socalcos com vinha e olivais.
O Douro sempre a serpentear no fundo vale completa com majestade todo o cenário.
Visitaremos duas zonas distintas O Douro Internacional com as suas escarpas abruptas e o Douro Vinhateiro com os seus vinhedos.
Os locais são pouco habitados mas os trabalhadores agrícolas estão sempre presentes. Raramente nos sentiremos sozinhos.
Nota-se o contraste entre as aldeias modestas e as casas senhorias das grandes quintas.
O percurso é uns constante sobe e desce cruzando os vales dos afluentes do Douro. As vistas surpreendem-nos a cada curva do caminho.
Quem se atrever a fazer este desafio ficará com imagens guardadas na memória que não esquecerá e claro irá saborear na sua origem um dos melhores vinhos do mundo.

Pode ver mais sobre esta experiência em: www.travelja.net

As tradições, o mar, o verde e as montanhas.

Visitamos uma região que conserva orgulhosamente as suas ancestrais tradições.
Este percurso tem uma grande diversidade de locais. Começamos na foz do Rio Lima com vistas deslumbrantes sob o rio, o mar e a bonita cidade de Viana do Castelo.
Logo a seguir iremos para a montanha seguindo sempre com o mar no horizonte. No Minho a água está sempre presente e empresta às paisagens contrastes de verde com azul difíceis de ver noutros locais.
As praias de mar e mesmo as fluviais são muito convidativas nos dias quentes e termos sempre alguma por perto.
Visitaremos pequenas aldeias e antigas vilas com os seus centros históricos bem conservados. Observaremos do cimo das montanhas os férteis vales. A fauna é também ela muito rica com os garranos selvagens e o gado que se alimenta nas pastagens de montanha.
É uma zona com bastantes festas populares, com uma gastronomia muito rica com fortes ligações ao mar e á terra.
Este percurso distingue-se pela sua riqueza histórica que não deixará ninguém indiferente onde a natureza e a civilização andam de mãos dadas.

Pode ver mais sobre esta experiência em: http://www.travelja.net/pt/viagem-portugal-a-descoberta-da-regiao-do-minho-o-verde-e-a-agua–com-guia-35.html

O mar, a praia, a pesca e o surf

Este percurso liga as duas maiores cidades Portuguesas Lisboa e o Porto. Pedalamos sempre junto à costa e de um país que se desenvolve em comunhão com o Mar.
As diferentes atividades e a topologia da paisagem trazem uma enorme diversidade ao percurso.
O seu inicio no Porto é de grande interesse turístico. As caves do vinho do Porto e a zona da Ribeira merecem uma atenção especial. A foz do rio Douro empresta ao local uma magia especial.
A zona costeira que se segue é de grande desenvolvimento urbano. Seguimos por uma ciclovia, à beira mar onde a praia e a pesca estão sempre presentes.
Mais á frente deixaremos de ver o mar mas a água continuará presente. A Ria de Aveiro será nossa companheira. As aves ribeirinhas a atividade dos pescadores e as dunas são agora os motivos de interesse.
Atravessaremos a ria em Ferry Boat e seguiremos em direção a Mira e aos seus Pinhais. Durante todo o percurso andaremos por locais com presença humana constante exceto nos próximos quilómetros. O Pinhal de Mira e o Pinhal de Leiria apenas separados pela foz do Mondego com a Bonita cidade da Figueira da Foz serão zonas desabitadas com praias desertas e florestas intermináveis. Na zona da Figueira da Foz está uma das poucas serras do litoral Português que irá ser o nosso ponto de observação sobre a costa e o Ria Mondego. As salinas e os campos de arroz darão lugar novamente ao Pinhal e á floresta.
Nazaré marca a entrada em uma nova realidade. De aqui para a frente as arribas serão uma constante emprestando uma beleza especial á nossa viagem. O surf estará cada vez mais presente, a juventude, a animação associada á praia á juventude e ao Sol tornam esta viagem numa experiência muito divertida.
Praias lindíssimas e o pôr do sol sobre o mar são postais gravados na nossa memória. A aproximação ao cabo da Roca e á serra da Sintra serão o final em beleza de um percurso com mar sempre à vista.

Pode ver mais sobre esta experiência em: http://www.travelja.net/pt/viagem-portugal-ocean—beaches–com-guia-37.html